SESC - Serviço Social do Comércio

Conheça a programação do Sesc na Virada Sustentável 2021

24.08.2021

Descrição da imagem: Imagem retangular com fundo em tom lilas, no canto direito há parte de uma grande letra ‘V’ na core azul. No lado esquerdo da imagem, em letras na cor branca, está escrito “Sesc na VS – Virada Sustentável 2021. São Paulo”. Fim da Descrição. 

De 2 a 22 de setembro, o Sesc participa da 11ª edição da Virada Sustentável em São Paulo, movimento de mobilização para a sustentabilidade que envolve organizações da sociedade civil, órgãos públicos, coletivos de cultura, movimentos sociais, equipamentos culturais, empresas, escolas e universidades, entre outros, com o objetivo de apresentar uma visão positiva e inspiradora sobre a sustentabilidade e seus diferentes temas para a população. 

Em um formato híbrido, o evento tem como proposta intervir em espaços públicos de São Paulo para a inserção de mensagens e informações, promovendo reflexões sobre um mundo pós-pandemia. As mensagens presentes nestas intervenções foram formuladas por 100 organizações de diversos setores da sociedade e poderão ser encontradas em mobiliário urbano, escadas de estações de metrô, empenas de prédios e escolas distribuídos por várias regiões da cidade. Painéis de debate e atividades artísticas também fazem parte da programação do evento. Acesse viradasustentavel.org.br para conhecer a programação completa. 

Conheça a seguir as atividades on-line oferecidas por unidades do Sesc, na Virada Sustentável. 

DIRETO NAS REDES

ATIVIDADES COM INSCRIÇÕES PRÉVIAS

FILMES E DOCUMENTÁRIOS

DIRETO NAS REDES

04/09 e 8/09, sábado e quarta, após 16h 
Sesc Registro 
Mata Viva – Habitantes da Mata Atlântica

Com Arte de Sávio Soares, acessibilidade por Museus Acessíveis 
24 animações apresentam 12 espécies da fauna e 12 da flora do Vale do Ribeira/Mata Atlântica, seu habitat, dieta, crescimento e importância dentro do respectivo bioma. As animações têm a intencionalidade de fomentar a educação para sustentabilidade, de forma acessível a todas as idades e públicos.
Onde? Você poderá conferir no YouTube e Instagram do Sesc Registro 
Classificação indicativa: Livre 

voltar ao topo

10/09 a 8/10, sextas, das 17h às 18h
Sesc Guarulhos 
Resíduos sólidos: o que fazer?

Com Agentes de Educação Ambiental
Produção e difusão de conteúdo online sobre gerenciamento de resíduos, contendo informações sobre a problemática envolvendo os resíduos sólidos e as questões locais do município de Guarulhos.
Onde? Você poderá acompanhar no Instagram e Facebook do Sesc Guarulhos 
Classificação indicativa: Livre

voltar ao topo

11/09, sábado, às 16h 
Sesc Ideias 
Ciência, educação e tecnologia – da difusão à cidadania

Com Nurit Bensusan, Leda Cartum, Reinaldo Guedes. Apresentação de Thiago Marchini. Mediação de Duda Menegassi 
A ciência aponta que é preciso rever as rotas do desenvolvimento e pensar na sustentabilidade da vida na terra, para tanto, informação, envolvimento e participação cidadã são fundamentais. O encontro discute como os canais de difusão científica podem ser ainda mais popularizados, além da tecnologia e educação como aliados na sensibilização destes conteúdos e na articulação da dive rsidade de saberes. 
Onde? No Canal do Sesc São Paulo no YouTube
Classificação indicativa: Livre

voltar ao topo

14 a 17/09, terça a sexta, das 19h às 21h
Sesc Pinheiros 
Práticas de permacultura urbana no cotidiano

Com Coletivo Feira Agroecológica e Cultural de Mulheres no Butantã   
Neste ciclo de encontros, serão apresentados, em rodas de conversa e oficinas, como os princípios e a ética da Permacultura podem ser colocados em prática em ambientes urbanos.
Onde? Plataforma Microsoft Teams (https://bit.ly/PraticasPermacultura)
Classificação indicativa: Livre

voltar ao topo

17, 18 e 19/09, sexta, sábado e domingo às 10h
Sesc Santana
Árvores do Santana

Quais árvores se encontram no entorno do Sesc Santana? Uma coleção de cards no Instagram vai apresentar treze árvores que se destacam: o nome científico de cada uma delas, seus nomes populares, origens e curiosidades.
Onde? No Instagram do Sesc Santana
Classificação indicativa: Livre

voltar ao topo

22/9, quarta, das 19h às 20h30 
Sesc Santos 
Emergências do século XXI: A Cidade em (De)Composição

Com Lucas Carvalho, empreendedor solidário em compostagem; André Cerveny, artista e agrofloresteiro; e mediação de Gustavo Torrezan, educador e artista 
As cidades compostas ao longo do século XX basearam seu desenvolvimento na ideia de que a água, energia elétrica e alimentação são inesgotáveis. A partir de um exercício de criativo, apresentamos um debate em que a arte contemporânea se soma a empreendimentos solidários de compostagens que pululam em diversas cidades brasileiras e impactam na construção das utopias das cidades que queremos viver hoje.
Onde? Você poderá conferir no YouTube do Sesc Santos 
Classificação indicativa: Livre 

voltar ao topo

ATIVIDADES COM INSCRIÇÕES PRÉVIAS

13/09, segunda, 18h00 às 19h30
Sesc Florêncio de Abreu 
Faça você mesmo: Reservatório para água da máquina de lavar

Com J. Eduardo Paiva, educador do Espaço de Tecnologias e Artes 
É urgente e necessário que nós façamos uso racional da água, recurso essencial para a vida. Nesta época de estiagem em São Paulo, a oficina convida os participantes para aprender como fazer em casa e a partir do reuso de materiais, um reservatório para guardar a água que sai da máquina de lavar.
Onde? Plataforma Microsoft Teams 
Inscrições a partir de 06/09, às 14h, em sescsp.org.br/inscricoes
Classificação indicativa: Livre 

voltar ao topo

16/09 a 21/10, quintas, das 19h às 22h
Sesc Ipiranga 
Sementes Gráficas: água, polpa e matéria, um mergulho no fazer artístico 

Com Luciane Kunde
Nesta oficina, os participantes poderão explorar a modelagem de papéis a partir de papéis reciclados, aliada à utilização de plantas, pigmentação e impressões em relevo.
Onde? Plataforma Microsoft Teams 
Inscrições a partir de 09/09, às 13h, em sescsp.org.br/inscricoes
Classificação indicativa: A partir de 16 anos

voltar ao topo

16/09 a 21/10, quintas-feiras, das 19h às 21h
Sesc 24 de Maio 
Usando hortas e compostagem como plataformas educativas

Com Pé de Feijão 
Curso voltado a educadores(as), multiplicadores(as) e demais pessoas interessadas nas temáticas da horta e da compostagem como plataformas educativas, para que possam compreender melhor esses conteúdos e compartilhá-los dentro de suas áreas de atuação e territórios. A atividade conta com serviço de tradução em Libras.
Onde? Plataforma Zoom 
Inscrições a partir de 07/09, às 14h, em sescsp.org.br/inscricoes 
Classificação indicativa: 18 anos

voltar ao topo

17/09, sexta, às 10h
Sesc Consolação 
Prosa 60+ Busca pelo equilíbrio: Corpo, Natureza, Planeta

Com Rita Mendonça, bióloga, sociológica, facilitadora de processos de aprendizagem com a natureza 
Como estamos nos relacionando com os nossos corpos, com os seres vivos que nos rodeiam e com o planeta que habitamos? É necessário repensar a forma de estar no mundo e buscar a compreensão da vida (em sua amplitude e multiplicidade) uma relação harmônica e sadia com a natureza. Nessa conversa falaremos sobre esses e outros temas, e refletiremos sobre a nossa história, trajetória e presença no mundo hoje.
Onde? Plataforma Microsoft Teams 
Inscrições a partir de 07/09, às 14h, em sescsp.org.br/inscricoes 
Classificação indicativa: 10 anos

voltar ao topo

18/09 a 30/10, sábados, das 10h às 12 h
Sesc Guarulhos 
Comece já a plantar!

Com Agentes de Educação Ambiental
O plantar deixou de estar relacionado apenas à prática de produção de alimentos ou a jardinagem paisagística. Atualmente, tornou-se ato político e de resistência das causas socioambientais. Este é um curso teórico-prático sobre plantio e cultivo orgânico, com técnicas de manejo agroecológico e composto por sete encontros.
Onde? Plataforma Microsoft Teams 
Inscrições a partir de 03/09, às 14h, em sescsp.org.br/inscricoes
Classificação indicativa: 15 anos

voltar ao topo

21/09, terça, às 16h
Sesc Bom Retiro 
Como fazer sabão líquido 

Com Sabão do Povo, iniciativa da Casa do Povo para a produção sabão com óleo de cozinha usado 
A oficina apresenta como é feita a produção do sabão líquido, ingredientes e receita. O encontro traz também um bate-papo com Adriana Sumi, farmacêutica, produtora de itens naturais de higiene e limpeza, fundadora da Sabão do Povo, que falará mais sobre os processos de confecção de sabão. Um vídeo registrando a síntese do processo de confecção do sabão sólido será disponibilizado nos canais do Sesc Bom Retiro no Instagram e Facebook, no dia seguinte à oficina.
Onde? Plataforma Microsoft Teams 
Inscrições a partir de 14/09, às 14h, em sescsp.org.br/inscricoes
Classificação indicativa: livre

voltar ao topo

22/09, quarta, das 16h30 às 18h
Sesc Pompeia 
Mobilidade, desigualdades e direito à cidade

Com Kelly Fernandes
O encontro propõe discutir as políticas públicas que vêm sendo adotadas para mobilidade urbana nas cidades brasileiras frente à necessidade de incentivar meios de locomoção mais sustentáveis, e como elas se relacionam com as demandas da população pobre e periférica, que mora longe dos grandes centros e depende de transporte público.
Onde? Plataforma Zoom 
Inscrições a partir de 15/09, às 14h, em sescsp.org.br/inscricoes 
Classificação indicativa: Livre

voltar ao topo

FILMES E DOCUMENTÁRIOS

Durante a 11ª edição da Virada Sustentável, o Sesc SP disponibiliza uma seleção de conteúdos audiovisuais que abordam a questão socioambiental, buscando promover reflexões sobre as relações entre os seres humanos e o ambiente, assim como acerca dos aspectos socioculturais implicados na construção de uma experiência sustentável. Disponível na plataforma Sesc Digital (https://sesc.digital/colecao/virada-sustentavel) a partir de 14/9. Contém Libras, audiodescrição e legendas.

KUNHANGUE ARANDU: A SABEDORIA DAS MULHERES
A’UTÉ A’UWÊ UPTABI: SER CRIANÇA A’UWÊ
FILOSOFIA POP – NATUREZA
INTERDEPENDENCE


Kunhangue Arandu: A sabedoria das mulheres

Direção: Cristina Flória e Alberto Alvares 
Brasil, 2021, 1h12min. 
Classificação Indicativa: livre 

Realizado na Terra Indígena Jaraguá, no município de São Paulo, nas aldeias Tekoa Ytu, Tekoa Pyau, Tekoa Itakupe, Tekoa Yvy Porã e Tekoa Ita Endy, o documentário revela o universo das mulheres Guarani e sua resistência para manter o nhandereko, o modo de ser Guarani. 

voltar ao topo


A’uté A’uwê Uptabi: Ser criança A’uwê

Direção: Cristina Flória e Wagner Pinto 
Brasil, 2018, 40min. 
Classificação indicativa: Livre

O documentário apresenta a tradição das brincadeiras que atravessam gerações de crianças do povo indígena xavante da aldeia Pimentel Barbosa (MT). 

voltar ao topo


FILOSOFIA POP – Natureza

Direção: Esmir Fiho 
Classificação indicativa: Livre 
Márcia Tiburi recebe a professora e líder indígena Jerá Guarani e o filósofo Marcelo Pelizzolli para uma conversa sobre o significado da palavra natureza e suas diferentes interpretações. 

voltar ao topo

INTERDEPENDENCE

Concepção: Adelina von Fürstenberg 

Cineastas de 11 países, de todos os continentes, refletem sobre as relações entre a sociedade humana e o ambiente natural, agravadas pelas mudanças climáticas. Produzido pela Organização Não Governamental ART for The World, com patrocínio das Nações Unidas, World Meteorological Organization e da Cidade de Milão, e apoio DDC/DFAE (Swiss Direction of Development and Cooperation/Ministry of Foreign Affairs), EU/EFI/ITC (European Union/ Ethical Fashion Initiative/ International Trade Centre), GAIL (India) e SESC São Paulo, entre outros. 

voltar ao topo

TUÃ INGUGU – OLHOS D’ÁGUA
GAIVOTA FAMINTA (HUNGRY SEAGULL)
UM DIA DE SOL (A SUNNY DAY)
DE VOLTA PARA O FUTURO (KA MUA KA MURI – WALKING BACKWARDS INTO THE FUTURE)
REINO (KINGDOM)
LAC
OLMO
EXTRAÇÃO: A JANGADA DE MEDUSA (EXTRACTION: THE RAFT OF THE MEDUSA)
QURUT
O DIVÓRCIO DE MEGHA (MEGHA’S DIVORCE)
A ÚLTIMA DANÇA (LAST DANCE)


TUÃ INGUGU – OLHOS D’ÁGUA

DIREÇÃO: DANIELA THOMAS 
Brasil, 11min. 
Classificação Indicativa: Livre 
Legendas em português 

Na cosmogonia dos Kalapalo, etnia que vive no parque indígena do Xingú, a água é tão antiga quanto os humanos e é a fonte da vida. É dali que vem todo o sustento dos originários, seu alimento, sua bebida, seu banho, sua alegria. 

voltar ao topo


GAIVOTA FAMINTA (HUNGRY SEAGULL)

DIREÇÃO: LEON WANG 
China, 7min. 
Classificação Indicativa: Livre 
Legendas em português 

Em uma ilha não muito distante do continente, a gaivota pai guarda as gaivotas recém-nascidas e aguarda o retorno da mãe gaivota. A dieta das gaivotas é composta por peixes pelágicos, moluscos e insetos aquáticos em pantanais e estuários costeiros. No entanto, com a pesca excessiva de e poluição do meio marinho, as gaivotas podem capturar cada vez menos alimento. 

voltar ao topo

UM DIA DE SOL (A SUNNY DAY)

DIREÇÃO: FAOUZI BENSAÏDI 
Marrocos, 12min. 
Classificação Indicativa: Livre 
Legendas em português 

Num futuro distante e próximo, fantástico e absurdo, homens e mulheres sobrevivem como podem. Através de cenas da vida de um homem, descobrimos os efeitos devastadores das mudanças climáticas sobre os seres humanos e a natureza. Como nos protegeremos do calor ou do frio excessivo? Como será ir a um supermercado ou a um zoológico cheio de espécies diferentes? Um passeio perturbador e hilário em um futuro, que já é, em grande parte, o nosso presente. 

voltar ao topo


DE VOLTA PARA O FUTURO (KA MUA KA MURI – WALKING BACKWARDS INTO THE FUTURE)

DIREÇÃO: KARIN WILLIAMS 
Nova Zelândia, 6min. 
Classificação Indicativa: livre 
Legendas em português 

O filme segue um garoto através do tempo: do assentamento da ilha pelos polinésios exploradores, passando pelo impacto europeu durante o período missionário no Século XIX, até a história recente em que o aeroporto internacional foi construído pelas forças armadas americanas durante a Segunda Guerra Mundial e a atual era turística, projetando no futuro a destruição do ecossistema da ilha e um retorno ao passado. O garoto é participante e observador, vivendo sua vida e ficando do lado de fora de seu próprio tempo para observar como as forças humanas criam rápida destruição. Por fim, o filme é um apelo à ação, pedindo a todos que tomem medidas imediatas para salvar esse precioso ecossistema antes que ele se perca para sempre. 

voltar ao topo


REINO (KINGDOM)

DIREÇÃO: BETTINA OBERLI 
Suíça, 11min. 
Classificação Indicativa: livre 
Legendas em português 

O curta-metragem conta a história de uma mulher, talvez a última mulher sobrevivente em um planeta pós-apocalíptico. Ela tem que sobreviver aos dias muito quentes, esconder-se do sol escaldante, enquanto a única fonte de água é o pequeno pedaço de geleira que ela tenta proteger do derretimento com os restos de um mundo perdido. Somente à noite ela encontra paz e consolo em suas memórias e na convivência com outros seres vivos. Mesmo sob as condições mais difíceis, encontra força no encontro com os animais. 

voltar ao topo


LAC

DIREÇÃO: MAHAMAT-SALEH HAROUN 
Chade, 7min. 
Classificação Indicativa: livre 
Legendas em português 

Kellou é uma mulher que vive em Bol, capital da província de Sahel. Ela é pescadora, profissão transmitida de mãe para filha, mas há alguns anos o lago Tchad está encolhendo e peixes tornaram-se raros. O trabalho de Kellou está ameaçado. Um dia, sua filha Mouna, de 12 anos, lhe dá uma idéia: recolher as sacolas plásticas do lago e fazer cordas para vendê-las no mercado. Por esse simples gesto, Kellou consegue, a seu modo, lutar contra a poluição plástica e adaptar-se às novas condições trazidas pelas mudanças climáticas. 

voltar ao topo


OLMO

DIREÇÃO: SILVIO SOLDINI 
Itália, 10 min. 
Classificação Indicativa: livre 
Legendas em português 

Olmo, 80 anos, olha pela janela de um prédio no subúrbio da cidade. Seu neto de oito anos, Giulio, lê para ele um artigo do jornal sobre o derretimento de geleiras, efeito estufa, metano e CO2. No dia seguinte, eles embarcam em uma pequena jornada em busca de uma velha árvore vez de ir para a escola. 

voltar ao topo

EXTRAÇÃO: A JANGADA DE MEDUSA (EXTRACTION: THE RAFT OF THE MEDUSA)

DIREÇÃO: SALOME LAMAS 
Portugal, 7 min. 
Classificação Indicativa: livre 
Legendas em português 

O filme é uma alegoria que retrata um breve momento de euforia enquanto os ocupantes da balsa de Medusa vislumbram a ilusão de serem resgatados. Quase podemos ouvir seus gritos roucos na tentativa de chamar a atenção para sua situação desesperada, reunindo sua última gota de força para o vazio. Esta é sua última chance de sobrevivência. 

voltar ao topo

QURUT

DIREÇÃO: SHAHRBANOO SADAT 
Afeganistão, 5 min.
Classificação Indicativa: livre 
Legendas em português 

Na região rural do Afeganistão central, em uma vila distante, uma jovem mulher ordenha uma cabra com a ajuda de seu filho. Há um rebanho de cabras e ovelhas esperando para serem ordenhadas antes que o jovem pastor as leve para as montanhas para pastar o dia inteiro. A mulher utiliza o leite ordenhado para cozinhar Qurut, uma das refeições mais populares do Afeganistão, especialmente do Afeganistão central. Entretanto, produzir Qurut se torna cada vez mais difícil, pois as mudanças do clima afetaram os padrões de chuva e a fertilidade do solo na região. As pastagens das montanhas secaram e os camponeses lutam para alimentar seus animais. 

voltar ao topo

O DIVÓRCIO DE MEGHA (MEGHA’S DIVORCE)

DIREÇÃO: NILA MADHAB PANDA 
India, 11 min. 
Classificação Indicativa: livre 
Legendas em português 

Akaash vive com seu pai na cidade de Delhi. Sua esposa o deixou e mudou-se com seu filho para o campo, na tentativa de protegê-lo da poluição extrema do ar da cidade. O casal se encontra no tribunal para deliberar sobre o divórcio. Os termos “mudança climática” e “poluição do ar” costumavam ser linguagem de cientistas, ambientalistas ou formuladores de políticas. Agora eles se tornaram parte das conversas cotidianas. A degradação da qualidade do ar está afetando a vida cotidiana, a economia, as emoções e relações humanas. 

voltar ao topo

A ÚLTIMA DANÇA (LAST DANCE)

A última dança (Last Dance) 
DIREÇÃO: Asa Hjörleifsdóttir 
Islândia, 8 min. 
Classificação Indicativa: 12 anos 
Legendas em português 

No filme islandês, dirigido por Asa Hjörleifsdóttir, a luz da manhã penetra no quarto. Duas pessoas estão completamente vestidas sobre as cobertas. Lençóis amassados, olhos inchados; um vazio paira no ar como um fantasma do dia anterior. 

voltar ao topo

Conteúdo relacionado

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.