SESC - Serviço Social do Comércio

#EmCasaComSesc

Festival Favela em Casa SP apresenta a arte das periferias e favelas da Grande São Paulo

14.09.2020

Das favelas para o mundo – e para dentro da sua casa também. É isso mesmo: o Festival Favela em Casa SP vem chegando para movimentar as quebradas e trazer para centro do palco (e das telas!) pensadores e artistas independentes e periféricos da Grande São Paulo. 

Assista!

Nos dias 18, 19 e 20 de setembro, uma maratona de 12 horas de programação online e gratuita reúne mais de 30 apresentações de música, dança, teatro, cinema e literatura, entremeadas por conversas sobre a cultura, o legado e as perspectivas para a arte das favelas. A transmissão acontece nas redes do Festival Favela em Casa e nos canais do Sesc SP e mais 9 unidades. 

A partir da vontade de promover e difundir a arte e a ação cultural nativas das favelas, o Festival foi idealizado por por dois jovens periféricos da Grande São Paulo: a produtora cultural Andressa Oliveira, moradora do Campo Limpo, zona sul da cidade de São Paulo, e o articulador cultural e fotógrafo Marcelo Rocha, da cidade de Mauá, no ABC Paulista, ambos integrantes do Coletivo Favela em Casa. 

A slammer Jéssica Campos, do Capão Redondo, é uma das participantes do Festival.
(Foto: Leo Aguiar)

Neste momento em que as desigualdades sociais e econômicas têm se agravado em decorrência da pandemia, o Sesc SP reafirma seu compromisso com a democratização dos espaços de produção e difusão artísticas ao direcionar a estrutura de sua rede para realizar esse encontro entre o público e a produção de jovens que atuam nas periferias da Grande São Paulo. 

“A ativação dessa gama de profissionais das amplas práticas socioculturais, que são nossos parceiros na consecução de nossa missão institucional, é uma medida indissociável da atuação do Sesc, porque diz respeito à nossa responsabilidade socioeducativa, enquanto fomentadores que somos, inseridos na cadeia produtiva da cultura no estado de São Paulo e no país como um todo”  
– Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo. 

Ao todo, mais de 180 pessoas fazem parte desse projeto, entre artistas, pensadores, produção e apoio – em sua maioria moradores de diversas regiões periféricas da Grande SP. “Criamos um festival para ser gerenciado e produzido por uma equipe composta, majoritariamente, por pessoas periféricas, pretas e independentes, protagonistas e responsáveis pela condução da narrativa que queremos compartilhar”, conta Andressa Oliveira, uma das idealizadoras do Favela em Casa. Durante as gravações todas as medidas de segurança foram respeitdas. 
 

SERVIÇO
FESTIVAL FAVELA EM CASA SP


Quando? 

18 a 20 de setembro. Sexta e sábado, 19h às 23h. Domingo, 15h às 19h.

Onde?
Abertura: dia 18/09, às 19h, show de Drik Barbosa no #EmcasacomSesc (Instagram Sesc Ao Vivo | Canal Sesc São Paulo no Youtube | Canal Favela em casa no Youtube)

Demais apresentações: Facebook Festival Favela em Casa | Canal Festival Favela em Casa no Youtube | Facebook do Sesc SP e das unidades Sesc Campo LimpoCarmoItaqueraIpirangaParque Dom Pedro IISantanaSanto AndréSão Caetano e Vila Mariana.
 

Quem participa?

MÚSICA
Caue Gas, Emcee lê, Jota Pê, Os Ferrais, Marabu, Ôbigo, Tasha e Tracie, Red Lion, Bia Doxum, Xote das Mina, Nayra Lays, Tonyyymon,  Rap Plus Sze, Nina Oliveira, Mc Poneis, Wera Guaraní, Sóbatuke.

LITERATURA
Felipe Marinho, Kimani, Jessica Campos, Roberta Estrela D’Alva/Slam Blues, Igor Chico, Eleilson Leite, Elizandra Souza, Débora Garcia. 

DANÇA
Aline Constantino – Afrobreak, Babiy Quirino, Djalma Moura, Vanessa Soares, Keyson Idd, Débora Regi.

+ Teatro, Audiovisual e Talks! (em breve a programação completa estará no ar aqui.)

Conteúdo relacionado

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.