SESC - Serviço Social do Comércio

Homenagem: o pensamento de Alfredo Bosi, um dos maiores críticos literários do país, continua vivo

07.04.2021

Foto: Fernanda Zaborowsky

Hoje perdemos o crítico literário Alfredo Bosi. Ao longo de seus 84 anos, o ocupante da cadeira número 12 da Academia Brasileira de Letras lecionou, escreveu diversos livros e contribuiu para a formação do pensamento em torno da literatura brasileira. Sem sacrificar a poesia em detrimento da perspectiva filosófica, Bosi contribuiu de forma notável para a renovação do nosso ensaísmo. Obras como “Céu, inferno”, “Dialética da colonização” e “Ideologia e contraideologia” continuam a provocar respostas e indagações de seus contemporâneos. Dialogar com o pensamento crítico de Alfredo Bosi, longe de apagar as diferenças, é assumir o desafio de apresentá-las com nitidez e complexidade.

Leia abaixo a íntegra da entrevista concedida por Alfredo Bosi para a Revista E em janeiro de 2010.

Conteúdo relacionado

Utilizamos cookies essenciais, de acordo com a nossa Política de Privacidade, para personalizar e aprimorar sua experiência neste site. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.